Pós-venda: descubra a importância para o seu negócio

Um relacionamento longo e lucrativo com os clientes inicia, na verdade, no pós-venda. Muitas empresas investem milhões em campanhas publicitárias, mas, infelizmente, após a transação financeira, deixam de oferecer o suporte adequado.

Esse é um grave erro, pois a maioria das vendas de uma companhia vem de clientes que já adquiriram produtos uma vez e decidiram comprar novamente.

E sem um pós-venda eficiente, absolutamente ninguém desejará fazer uma segunda investida em seu negócio.

Pensando nisso, criamos este post. Descubra, a seguir, os tipos de pós-venda e por que você deve investir nessa estratégia. Boa leitura!

Tipos de pós-venda de uma empresa

Para ficar mais claro, considera-se pós-venda o conjunto das atividades (com foco nos clientes) realizadas após a comercialização de um produto ou serviço. Ele pode ser dividido em dois tipos principais: o ativo e o receptivo.

O primeiro ocorre quando a empresa vai atrás do cliente — seja para fazer pesquisas ou obter feedback de melhoria. O receptivo, ao contrário, é quando o cliente busca a empresa — geralmente com a intenção de tirar dúvidas ou fazer alguma crítica.

Os dois modelos devem ser usados de forma estratégica. No caso do pós-venda receptivo, é importante que o gestor facilite o contato do cliente com a corporação, tornando todo o processo mais rápido, eficiente e agradável.

Sabendo disso, é essencial contar com as ferramentas certas, que vão desde modernos sistemas de CRM (Customer Relationship Management) até a construção de uma cultura focada na satisfação completa do consumidor.

Por que investir no pós-venda

Existem muitos motivos pelos quais uma empresa deve investir no pós-venda, independentemente do seu tamanho ou área de atuação. Veja os mais importantes:

1. Indicação e novos negócios

O pós-venda abre caminho para uma das mais importantes e eficientes estratégias de marketing: o famoso boca a boca.

Um bom atendimento deixa os clientes mais satisfeitos, transformando-os em verdadeiros embaixadores da sua marca.

Eles contarão para amigos, familiares e conhecidos sobre o pós-venda, e você terá novas oportunidades de negócios.

2. Fidelização de clientes

As mais bem-sucedidas empresas no mercado focam seus esforços na fidelização dos clientes.

Segundo Philip Kotler, um dos grandes nomes do marketing moderno, fidelizar custa entre cinco e sete vezes mais barato do que conquistar novos consumidores.

Para isso, a melhor estratégia é criar um bom relacionamento, especialmente após a venda, baseado em confiança e respeito ao seu público.

3. Vantagem competitiva

Empresas que conseguem manter um ótimo padrão de atendimento, mesmo após a transação financeira, possuem uma grande vantagem competitiva.

Para ficar claro, uma vantagem é o que torna uma empresa única no mercado, diferente dos seus concorrentes. Companhias que investem em pós-venda são mais respeitadas e desejadas pelos clientes.

4. Motivação dos funcionários

Até mesmo os funcionários são impactados, pois se sentem trabalhando em uma corporação que respeita e aprecia seus clientes finais.

Assim, sentem prazer e orgulho de trabalhar pela empresa. E isso eleva o grau de engajamento dos times de trabalho.

5. Feedbacks contínuos

Com o pós-venda ativo, é possível ter um bom feedback em relação à satisfação dos consumidores. Assim, a empresa pode melhorar continuamente seus processos, produtos e serviços e, consequentemente, elevar seus padrões de qualidade.

Esses são apenas alguns dos benefícios, mas existem muitos outros. Empresas que investem na estratégia de pós-venda são mais saudáveis, lucrativas e atrativas para os investidores.

Agora que já compreende a importância do pós-venda para o seu negócio, aproveite para continuar aprendendo. Acompanhe o nosso conteúdo nas redes sociais (Facebook, Twitter, LinkedIn e Google+) e fique sempre por dentro das novidades!

Comentários